SNK Playmore abre queixa de crime contra Square Enix

Segundo o site Sankei, a SNK Playmore abriu uma queixa de crime contra a Square Enix, alegando que teve seus direitos sobre suas propriedades intelectuais infringidos pela divisão de publicações da Square Enix, no popular manga arcade “High-score Girl”.

Neste dia 5 de Agosto, a polícia local, do distrito de Osaka no Japão, conduziu uma busca no escritório principal da Square Enix, procurando por documentos, que poderiam servir como provas, bem como conduziu a realização de interrogatórios ao editor e também ao autor, Rensuke Oshikiri.

“High-score Girl” é uma comédia romântica onde sua história ocorre no Japão, durante os anos 90, mostrando várias cenas com jogos de luta que são os destaques da época. A SNK Playmore reclama que o manga tem mais de 100 cenas mostrando personagens de seus games, incluindo The King of Fighters e Samurai Shodown. No final das páginas pode-se ler um © estampado com o nome da companhia SNK Playmore, fazendo parecer que tudo foi publicado com a permissão da mesma.

A SNK Playmore se deu conta da violação quando a produção de um anime para  “High-score Girl”  entrou em contato no início do verão de 2013 requisitando autorização para usar seus personagens e músicas. A empresa então entrou com uma ação em Maio deste ano, alegando que, antes, tentou solucionar o problema avisando a Square Enix, mas sem sucesso.

Fonte: MMcafe, Sankei

Talvez você goste de ler...